Retrato

Belos tempos

Belos tempos

Retrato de uma época aurea passada, a ótica da camera registrou um momento inesquecível, gravou para a posteridade o charme, a elegancia daquele que viria a ser meu pai. (em pé,de cigarro na mão)


Meu pai, meu ídolo, que a vida maltratou, mas foi forte foi feliz, criou sua prole com dignidade, adquiriu cultura, não sei como, a sabedoria nata, a sabedoria dos livros, herança que me passou, trabalhou duro, sem descanso, dia e noite, zelou pela integridade da familia.

 
Minha filha, religião é meio de vida, o homem mais feliz do mundo não tinha uma camisa para vestir, são frases suas que marcaram minha infancia, me ensinou a questionar, a ser humilde, a buscar a sabedoria, o conhecimento onde estivesse a fonte, a trabalhar e não baixar a cabeça.


O cotidiano de uma familia possui tropeços e percalços, a labuta diária não se faz com facilidade, mas o questionamento nunca existiu, fomos sim uma pequena familia feliz.

Anúncios

Sobre Nilza Rodrigues

Um ser em constante evolução, olhos no horizonte, cabeça nas estrelas, pé no chão, alguns empurrões ao abismo e venho fazendo a subida, ardua e longa, ainda me encontro enclausurada, mas chegará o dia que dele sairei gloriosa. Amante dos animais, natureza, humildes, grandes de alma, universo em evolução. Auto disciplina, estilo e humildade são meus caminhos na vida
Esse post foi publicado em Passatempo e marcado , . Guardar link permanente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s