Arquivo da categoria: Passatempos

Sumir

  Apareceu, sabe-se lá por que sumiu, disse que foi eu quem  sumiu, quis me ver pela câmera e ficou se exibindo, querendo me dar lição, que eu tenha bons equipamentos, saber quanto ganho, se tenho investimentos, de certo pensa … Continuar lendo

Publicado em Passatempos | Marcado com , , | Deixe um comentário

Reinar

Real Todos querem reinar, Mas são plebe, Então se contentam com circo, deem-lhe circo, carnaval, cachaça, futebol, Se sentem reinando, Extasiam com a glória alheia, Fogos e mais fogos, Extasiam com essa barbárie medieval, Não veem a beleza da natureza, … Continuar lendo

Publicado em Passatempos | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Sossegada

Sossego Uma vez ousei sonhar com a felicidade que parecia bater a porta, acreditei que aquilo pudesse ser verdade, pois a isso fui induzida, por  um crápula desprovido de culpa, sem medir a dimensão do estrago com as vidas em … Continuar lendo

Publicado em Passatempos | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Nostalgia

  3º ano de vida Este ser ainda habita em mim, Vai o tempo, vem o tempo, Esse ser habita em mim, Cresço, evoluo e este ser habita em mim, Eterna criança, Recusa-se a crescer, Quer ser sempre princesinha, Pode … Continuar lendo

Publicado em Passatempos | Marcado com , , | Deixe um comentário

Casa

Desmontar uma casa é um processo que envolve emoções tão fortes, como montar uma casa nova, só que são antagônicas. Atual Casa nova montada, tem a minha cara, o meu jeito, é assim que quero, tudo bem simples, aconchegante, muita coisa … Continuar lendo

Publicado em Passatempos | Marcado com , , , , , | Deixe um comentário

Vinte e oito anos

Casal, um dia… Nesses dias que se aproxima a data de minha primeira vinda a Cuiabá-MT, à 28 anos passados, meu coração fica apertado,  me acenaram com o paraíso e fui jogada no abismo sem dó nem piedade, juntamente com seus … Continuar lendo

Publicado em Passatempos | Marcado com , , , | Deixe um comentário

Desleixo

Mutirão de limpeza Não queria ver lixo Não queria ver desleixo Não queria ver mais isso, Queria ver zelo, Não o desmazelo, O culto exagerado ao ego, Negligenciando o entorno de seu habitat, Sendo o autor da própria dor…

Publicado em Passatempos | Marcado com , , , , | Deixe um comentário